Co-fundador da Oculus defende os títulos exclusivos para o Rift


Depois de o vice-presidente da HTC defender que não exista conteúdo exclusivo em dispositivos de realidade virtual, Palmer Luckey, um dos fundadores da Oculus, uma das principais concorrentes do setor, defendeu a decisão de sua empresa de ter jogos disponíveis somente para compradores do Oculus Rift.
Em entrevista ao site TechCrunch, Luckey rebateu, de maneira sutil, as críticas. "Vemos a Sony investir em seu conteúdo da mesma forma. Ao longo do tempo, é assim que a indústria de realidade virtual vai avançar. A curto e a longo prazo, isso é bom. Eu posso ver onde o conteúdo exclusivo é 'doloroso' para algumas pessoas, mas isso não significa que é ruim para a indústria, ou que vai fragmentá-la, ou, a longo prazo", explica Luckey.
Via Ubergizmo
Compartilhar Google Plus

Autor Nerd

Esta é uma breve descrição no bloco de autor sobre o autor. Editá-lo digitando o texto no html .

Postagens Relacionadas

0 comentários :

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial